Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



O fado do silêncio

Terça-feira, 22.02.11

 

Guilherme Silva disse uma coisa absolutamente óbvia: "Que o Governo não tem condições para continuar se houver ajuda externa". E de facto não deve haver uma única pessoa que ache normal manter em funções um Governo que tenha conduzido o país à bancarrota. Até o Governo irlandês se viu forçado a convocar eleições, depois de ter tido necessidade de recorrer à ajuda externa, apesar de a sua responsabilidade pelo sucedido ser muito reduzida.

 

Mas, mesmo fazendo declarações tão óbvias, Guilherme Silva foi mandado calar por Passos Coelho, o qual referiu que "se há pessoas do meu partido que insistem em cenários de crise política é porque estão a falar demais". De facto, como é possível haver militantes do PSD que não só pensam em cenários de crise política, como até se atrevem a falar deles? O Governo socialista está a governar maravilhosamente. O descalabro das contas públicas, a subida em flecha das taxas de juro, o caos nas eleições e o desmantelamento do sistema de justiça, tudo isso são pormenores técnicos que não devem preocupar um partido empenhado em fazer uma oposição responsável, ou seja muda. E se por acaso ocorrer a bancarrota nacional, é preciso continuar a apoiar este Governo, para evitar o perigo de termos que o substituir, o que pelos vistos ninguém deseja. Nada de falar em crises políticas, portanto.

 

Nem nos tempos do Governo do Bloco Central vi o PSD ser transformado num mero sustentáculo de um Governo PS, como está agora. O PSD não participa no Governo mas viabiliza praticamente todas as medidas que o mesmo propõe, por muito gravosas que sejam. E agora pelos vistos agora até deve calar qualquer ameaça de crise política, mesmo perante um facto tão óbvio, como a bancarrota nacional. Enquanto o país vai sendo conduzido para o precipício, resta ao PSD entoar o fado do silêncio.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Luís Menezes Leitão às 10:03








comentários recentes

  • Anónimo

    caso não saiba, as eleições para a constituinte fo...

  • s o s

    carissimo, sendo que nao divaga, antes se restring...

  • Alfredo

    Pois,E só de pensar que temos em Portugal um parti...

  • Vasco

    São votos de mão no ar e por unanimidade à boa man...

  • Francisco Ribeiro

    Como rebate as posições contrárias da PGR e do Pro...

  • cheia

    Que adianta a quantidade?? 64 não chegam?? Mesmo q...

  • ANTONIO SILVA

    TEM TODA A RAZÃO! MAIS VALE TARDE DO QUE NUNCA! OS...

  • alfredo

    Caro Sr. Henrique Neto, Sou uns poucos anos mais n...

  • Francisco F.Martins

    Realmente este sr.Henrique Neto tem cara de quem e...

  • Etan Cohen

    Este senhor que, dizem, quando era novo andava de ...