Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Até quando abusarão da nossa paciência?

Segunda-feira, 28.02.11

 

Estas declarações do Ministro das Finanças demonstram três coisas: 1) o assumir do falhanço total do Governo no controlo da despesa, ao contrário do que se tinha obrigado; 2) um dramático pedido de ajuda à União Europeia a quem se atribuem desde já as culpas pelo facto de o esforço nacional no controlo do défice ser em vão; 3) o anúncio de novas medidas de austeridade, uma vez que, continuando o Estado a gastar à tripa forra, é manifesto que as actuais são insuficientes. Como serão as novas e as que ainda hão-de vir enquanto este Governo se mantiver em funções.

 

Em consequência, confirma-se que os portugueses só podem esperar deste governo mais recessão e sacrifícios impostos à força, absolutamente em vão pois a despesa do Estado não para de aumentar. À semelhança de Cícero contra Catilina, acho que é altura de o PSD repetir a frase clássica: "Quosque tandem abutere patientia nostra?"

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Luís Menezes Leitão às 12:24








comentários recentes

  • Anónimo

    caso não saiba, as eleições para a constituinte fo...

  • s o s

    carissimo, sendo que nao divaga, antes se restring...

  • Alfredo

    Pois,E só de pensar que temos em Portugal um parti...

  • Vasco

    São votos de mão no ar e por unanimidade à boa man...

  • Francisco Ribeiro

    Como rebate as posições contrárias da PGR e do Pro...

  • cheia

    Que adianta a quantidade?? 64 não chegam?? Mesmo q...

  • ANTONIO SILVA

    TEM TODA A RAZÃO! MAIS VALE TARDE DO QUE NUNCA! OS...

  • alfredo

    Caro Sr. Henrique Neto, Sou uns poucos anos mais n...

  • Francisco F.Martins

    Realmente este sr.Henrique Neto tem cara de quem e...

  • Etan Cohen

    Este senhor que, dizem, quando era novo andava de ...