Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



O primeiro a avançar.

Terça-feira, 27.05.14

 

Já tinha hoje escrito aqui que, em virtude do resultado das eleições europeias, tanto os partidos da maioria como o PS deveriam alterar imediatamente as suas lideranças, sob pena de caminharem para o suicídio político. Isto porque os seus actuais líderes não seriam capazes de arrepiar caminho, pelo que só os militantes poderiam salvar os partidos do chamado arco da governação de serem varridos em próximas eleições.

 

No PSD e no CDS já se verificou que isso não vai acontecer. Na verdade, os partidos estão de tal forma disciplinados, que são capazes de proclamar 27% um resultado aceitável e achar normal que o PSD fique com seis deputados europeus e o CDS apenas um, menos do que o MPT. Lá irão por isso os seus deputados na sexta-feira rejeitar a moção de censura do PCP e aproveitar para aplaudir estrondosamente o governo, reforçando o seu mandato para continuar neste caminho. O ridículo disto só a eles parece escapar.

 

Já aos militantes do PS não escapou o ridículo da figura que António José Seguro fez na noite eleitoral, manifestando uma falsa euforia com uma vitória pífia, que os seus apoiantes aplaudiram estrondosamente. António Costa percebeu, porém, o que estava em causa e viu aí logo na noite de domingo uma oportunidade de ouro para se candidatar à liderança. É manifesto que vai ganhar o PS. Aliás, se Seguro tivesse um pingo de responsabilidade tinha-se demitido logo na noite eleitoral, como fez o líder do PSOE espanhol.

 

A ironia disto tudo é que os partidos da maioria ambicionavam que o PS ganhasse precisamente com esta diferença, para segurar a liderança de Seguro, após o que marchariam calmamente para as legislativas. Só que os militantes do PS não são parvos e já perceberam a estratégia, pelo que vai ser com António Costa que o PS se vai apresentar às eleições. Resta saber se o PSD vai opor a António Costa um desgastado Passos Coelho ou, ainda pior, uma Maria Luís Albuquerque a defender o legado da troika. Continuem assim, mas depois não se queixem.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Luís Menezes Leitão às 14:11





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Maio 2014

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Visitas

free hit counter




comentários recentes

  • Anónimo

    Julgávamos que o D Sebastião tinha morrido em Alcá...

  • Anónimo

    O amigo anónimo do syntagma nem faz ideia do que o...

  • Anónimo

    estude anónimoe muito fácil baixar de 11% . É cort...

  • Anónimo

    Discordo em absoluto. Se o meu caro syntagma expli...

  • Jaime Menezes

    Ontem vi e ouvi, uma estranha (ou talvez não) comé...

  • Anónimo

    E pronto, a sua experiência pessoal refuta as expe...

  • Anónimo

    Foi um grande empresário que construiu um império ...

  • Anónimo

    inteiramente de acordo. o inferno esta de parabens...

  • Anónimo

    Deus, tenha o Seu lado, Belmiro era português, por...

  • Anónimo

    O que muita gente tem e dor de cotovelo pois de um...