Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



A próxima vítima II

Quarta-feira, 08.12.10

O que aqui escrevi há duas semanas parece hoje cada vez mais evidente. Todos os parceiros de Portugal nesta aventura do euro consideram inevitável que, depois da Grécia e da Irlanda, Portugal seja o próximo país a recorrer ao fundo europeu de estabilização. O que mais me tem chocado nos últimos tempos é ver as reuniões dos Ministros das Finanças da zona Euro, em que é cada vez mais evidente o isolamento do nosso Ministro da Finanças, sistematicamente a sair calado das reuniões. Se Portugal, como toda a gente prevê, recorrer ao fundo de estabilização, espero pelo menos que a oposição tenha a coragem de pôr termo a este desgoverno que tem caracterizado Portugal. Isto porque me parece evidente que o próprio Governo não terá, como deveria, a dignidade de assumir as suas responsabilidades e apresentar ele próprio a sua demissão.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Luís Menezes Leitão às 13:21





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Dezembro 2010

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031




comentários recentes

  • Manuel Nunes Francisco

    Então estamos à vontade, podendo avançar com o san...

  • Anónimo

    Olivença é a menor das preocupações no Estado Espa...

  • Anónimo

    Concordo na íntegra e dizendo mais, na minha modes...

  • Anónimo

    Caro anónimo espanhol,Não sei se esteve atento nas...

  • Anónimo

    Caro anónimo Vasconcelos,O uso da Grândola deveu-s...

  • Alda Fernandes

    Oh! sr. anónimo espanhol? (será?)Quem diria que af...

  • Teresa

    Cuando afirmo a que "arriscam-se a apalhaçar a mes...

  • Anónimo

    Es facil tener una opinion viendo los toros desde ...

  • Teresa

    (anterior comentário seguiu sem identificação)Gent...

  • Anónimo

    Gente peculiar nuestros hermanos Grândola Vila Mor...