Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



De novo os coletes amarelos.

Sábado, 08.12.18

France-«-Gilets-jaunes-».jpg

A situação em França demonstra bem o flop total que está a ser a presidência de Macron, como aliás já antes o tinha sido a presidência de Hollande. O movimento En Marche não passou de uma total mistificação, como se alguém que foi Secretário-Geral Adjunto do Presidente Hollande e depois Ministro da Economia no governo Valls pudesse representar alguma novidade em relação ao Presidente anterior. Tudo isto não passou de uma tentativa bem sucedida para travar Marine Le Pen, com a invenção de um novo partido, graças ao facto de a França ter um sistema eleitoral que permite a um partido com 1/3 dos votos ter 2/3 dos deputados. Mas essa alavancagem da representatividade eleitoral falha nas alturas decisivas e aí basta uma fagulha para deitar fogo à pólvora.

A fagulha foi neste caso o aumento dos combustíveis, que é um símbolo da constante tributação de um Estado cada vez mais voraz. Esse Estado persegue os cidadãos até ao tutano, de tal modo que até uma parvoíce de uns coletes amarelos os manda ter no carro, sob pena de multa. Não admira por isso que essa imposição de vestuário seja usado como sinal distintivo pelos cidadãos. Os coletes amarelos são hoje o substituto dos barretes frígios usados pelos que tomaram a Bastilha. E ninguém sabe como isto vai acabar.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Luís Menezes Leitão às 12:22





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Dezembro 2018

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031




comentários recentes

  • Anónimo

    Mesmo com o PSOE no governo o estado espanhol cont...

  • Anónimo

    Antes isso do que o que se tem passado na TVI, com...

  • Anónimo

    "O Sátiro" MENTE. Não há quaisquer provas de que i...

  • Anónimo

    E aqui temos "O sátiro", membro honorário da escum...

  • O sátiro

    Depende do que são votos válidos. Houve milhões de...

  • Joao Miguel Guterres

    Talvez não seja verdade. A mim parece que, depois ...

  • O sátiro

    Depois da queda de Merkel. .e do imbróglio que se ...

  • Anónimo

    Nunca percebi a obsessão da direita radical por Ro...

  • Anónimo

    A verdade é que Hillary Clinton teve três milhões ...

  • Anónimo

    É preciso ser-se muito acéfalo para achar que Bols...