Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Jorge Gomes ou o optimismo.

Terça-feira, 29.08.17

Nem Voltaire, que se lembrou de colocar o seu Candide em Lisboa aquando do terramoto de 1755, se resolvesse escrever sobre a tragédia dos incêndios de 2017, conseguiria ilustrar o seu romance com alguém tão optimista como Jorge Gomes. De facto a personagem Pangloss não lhe chega aos calcanhares. Que há a dizer perante alguém que refere que comeu belíssimas refeições no teatro de operações? Reconhecer que de facto, nos dizeres do Presidente Marcelo Rebelo de Sousa, António Costa já conseguiu contagiar todo o governo com o seu optimismo crónico e às vezes um pouco irritante. Não se preocupam se a tragédia alastra. Pelo menos come-se bem.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Luís Menezes Leitão às 19:56





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Agosto 2017

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031




comentários recentes

  • Anónimo

    Sinceramente, não acho mal que as pessoas - mesmo ...

  • Makiavel

    Para além da lamentável posição de Lopetegui, há q...

  • Anónimo

    palhaço. foi muito bem despedido. PORque nao agu...

  • Anónimo

    Acho que são borocracias indispensáveis,ficaram li...

  • Anónimo

    Já em 1975 Portugal estava de rabinho voltado para...

  • Anónimo

    Quanto à Cristas, a sorte dela é que os democratas...

  • Anónimo

    Só que o Brexit não foi feito devido a ingerências...

  • Anónimo

    Dos jornais à subserviência do PSD ou até mesmo da...

  • Orlando Teixeira

    Não será tanto assim.Na sua arrogância, a maioria ...

  • Anónimo

    Conheço pessoas que votaram no PCP e vão deixar de...